NOTÍCIAS
Coisas do outro mundo
04/10/2020

Vale da morte, o lugar mais quente do mundo recebe turistas em busca de calor extremo. VEJA FOTOS

Compartilhar:
Foto: Divulgação

Durante o mês de agosto, o parque recebeu incontáveis turistas, que aproveitaram suas folgas para tirar selfies com o medidor de temperatura local, indicando um calor de até 59 ºC

A temporada de calor no Parque Nacional do Vale da Morte, na Califórnia, Estados Unidos, está atraindo pessoas em busca das maiores temperaturas possíveis.

 

Durante o mês de agosto, o parque recebeu incontáveis turistas, que aproveitaram suas folgas para tirar selfies com o medidor de temperatura local, indicando um calor de até 59 ºC.

 

Diversos norte-americanos compareceram ao Vale da Morte para capturar os índices de sensação térmica através do famoso Furnace Creek Visitor Center, cartão postal da região e parada obrigatória para visitantes.

 

Veja também 

 

Mãe é presa por envenenar os filhos com chumbinho em macarrão

 

Pitbull é morto a tiros durante passeio com dono no Rio; homem foi hospitalizado

 

TÁ CALOR? Vale da Morte recebe turistas em busca de calor extremo | Jornal  Entre Aspas

 

Conhecidas como “turistas do calor”, as pessoas logo lotaram as redes sociais com as lembranças do parque, que registrou a temperatura mais quente já medida de forma confiável no planeta.

 

Vale da Morte: por que o 'lugar mais quente da Terra' não necessariamente é  o mais perigoso - Voz de Brasília

 

Durante o verão, muitos turistas visitam o Vale da Morte apenas para poder experimentar a sensação extrema de calor sem maiores problemas, algo que atrai a atenção de diversas pessoas que buscam novas alternativas para adicionar em seu mapa de viagem.

 

Um dos turistas que presenciou as altas históricas no Vale da Morte foi Dan Markham, de 40 anos, que decidiu conhecer o parque após saber que estava registrando cerca de 54 ºC. “Estava preso em 129 ºF e, de repente, subiu para 130 ºF, e todos sairiam correndo de seus carros para tirar uma foto”, comentou.

 

Recomendações de risco no Vale da Morte

 

Como sobreviver ao Vale da Morte, na Califórnia - 13/11/2019 - Turismo -  Fotografia - Folha de S.Paulo

 

Apesar das condições atraentes e das ocasiões em que inúmeros turistas se movimentam para conhecer o local, o Vale da Morte continua sendo um risco iminente para as pessoas que sofrem de problemas de pele ou sensibilidade a altas temperaturas. Em 2020, durante os meses de julho e setembro, duas mortes foram contabilizadas por insolação e, por isso, os guias do parque sugerem atenção para os horários e períodos de maior calor.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram. 
Entre no nosso Grupo de WhatsApp.
 

Vale da Morte recebe turistas em busca de calor extremo - Mega Curioso

 

Um passeio pelo Vale da Morte, o lugar mais quente do mundo

 

Segundo os funcionários do parque, é recomendado que os passeios ocorram até as 10h, com riscos de prejudicar a saúde e gerar maiores complicações caso haja muita movimentação de visitantes e exposição ao sol após o horário sugerido.

 

Vale da Morte / Jaime González (BBC)

 Temperaturas no Vale da Morte podem

superar 70 graus (Fotos: Divulgação)

 

Mega Curioso 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2021. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.