13 de Junho de 2024 - Ano 10
NOTÍCIAS
Saúde
17/05/2024

Chagas congênita: FVS-RCP integra projeto para combater a doença no Amazonas

Foto: Divulgação

Projeto representa passo estratégico no combate à Doença de Chagas no Amazonas

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas - Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), da Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), recebeu, na quarta-feira (15/05) e quinta-feira (16/05), visita do Grupo Técnico de Doença de Chagas do Ministério da Saúde, para seguir com a implantação do projeto-piloto "Vigilância, Diagnóstico e Tratamento da Doença de Chagas Congênita no Amazonas".

 

O projeto objetiva ampliar a vigilância da Doença de Chagas congênita, oferecendo diagnóstico e tratamento oportuno e eliminando a possibilidade de transmissão vertical da doença na região Amazônica. A diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, ressalta a importância desta iniciativa."Este projeto representa passo estratégico no combate à Doença de Chagas no Amazonas. Estamos unindo esforços com o Ministério da Saúde e outras instituições parceiras para garantir o acesso universal ao diagnóstico e tratamento desta doença", enfatiza a diretora Tatyana.

 

Além da FVS-RCP, o Projeto-piloto "Vigilância, Diagnóstico e Tratamento da Doença de Chagas Congênita no Amazonas" será implantado em Manaus, com a parceria entre Ministério da Saúde, Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), Fundação de Medicina Tropical - Doutor Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD) e Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) de Manaus.

 

Veja também  

 

Especialistas alertam: hipertensão arterial também ocorre na infância

 

Festival de Parintins: FVS-RCP alerta sobre saúde vocal e auditiva entre profissionais do Boi-Bumbá

Durante a visita, foram realizadas reuniões entre os técnicos das diferentes instituições envolvidas, visando alinhar as estratégias de implementação do projeto. Além disso, foram realizadas visitas de campo às Unidades Básicas de Saúde Parque das Tribos e Comunidade São Pedro, assim como à Maternidade Azilda da Silva Marreiro, locais onde o projeto será iniciado na capital do estado.

 



O responsável pela Vigilância Ambiental da FVS-RCP, Elder Figueira, destaca que a iniciativa é possível devido à ação integrada entre as instituições envolvidas. "Este projeto é resultado de um esforço conjunto para enfrentar um desafio de saúde pública. Por meio da iniciativa, as instituições visam reduzir a transmissão vertical da Doença de Chagas congênita no estado", disse.



Entre os benefícios esperados a partir do desenvolvimento do projeto está o aumento da cobertura dos testes de rastreio, diagnóstico e tratamento da Doença de Chagas, reforço das intervenções no primeiro nível de cuidados, melhora da vigilância epidemiológica e redução da transmissão vertical da doença.

 

ELIMINAÇÃO DA DOENÇA


O projeto tem como objetivos principais contribuir para a eliminação da transmissão vertical da Doença de Chagas na Amazônia, expandindo o acesso ao diagnóstico e tratamento para mães e filhos, implementando ações de hemovigilância e monitoramento.


Fotos: Divulgação

 

A iniciativa também visa a realização de inquéritos sorológicos em mulheres grávidas, puérperas e mulheres em idade fértil, ampliando a notificação e investigação de casos de Doença de Chagas crônica no sistema de saúde, e formando redes de trabalho para garantir eficácia e eficiência nas intervenções.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatAppCanal e Telegram



Até o momento, o projeto já coletou 1.676 amostras de sangue, com 13 amostras confirmadas e duas indeterminadas. A meta de triagem para 2024 é de 2,4 mil mulheres grávidas, atendidas na Maternidade Azilda da Silva Marreiro, em Manaus, além das crianças, caso as mães sejam sorologicamente reagentes para Doença de Chagas. 

LEIA MAIS
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Acompanhe o Portal do Zacarias nas redes sociais

Copyright © 2013 - 2024. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.