NOTÍCIAS
Esportes
15/05/2021

Sem laboratório: Tite vai fazer poucas mudanças para a Copa América, após jogos das Eliminatórias

Compartilhar:
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Depois de 24 convocados para enfrentar Equador e Paraguai, treinador só deve liberar quem vai para olimpíadas, possível caso de Neymar. Lista para competição será entregue no dia seguinte ao segundo duelo pelas Eliminatórias

Se depois da conquista da Copa América de 2019, Tite e a comissão técnica ainda avaliavam fazer observações em mais uma competição continental, a pandemia e o atropelo do calendário, definitivamente, mudaram os planos da CBF. Depois de anunciar 24 nomes para a volta das Eliminatórias para o Catar 2022 - jogos com Equador e Paraguai -, a intenção de Tite é de fazer poucas mudanças em relação ao grupo que viaja para a Colômbia.

 

O treinador preferiu não antecipar as ações, concentrado nas partidas da classificatória para a Copa - dia 4, em Porto Alegre, e dia 8, em Assunção -, mas internamente se imagina trocas pontuais na lista a ser entregue até o dia 10 de junho - o Brasil estreia contra a Venezuela, dia 14, em Bogotá. Juninho Paulista, coordenador técnico da seleção principal, adiantou que o Brasil entrega a lista dia 9 - no dia seguinte à partida contra o Paraguai. 

 

Veja também

 

Neymar é acusado na Justiça de planejar assalto armado

 

Dança de Gil do Vigor, ex-BBB, gera homofobia no Sport: 'viadagem'. OUÇA

 

Apesar da hierarquia ser clara em relação ao chamado das seleções - primeiro, vem Tite, depois Jardine -, o desejo dos atletas em disputar a olimpíada é que deve fazer a diferença de uma lista para outra. Possível caso de Neymar, que já manifestou vontade de disputar sua terceira olimpíada. Até Weverton, do Palmeiras, um dos que Jardine conta para levar entre os 18 a Tóquio.

 

No entanto, a ideia de Tite é trabalhar com a maior parte do grupo que se apresenta dia 27 de maio até o fim da Copa América. O que pode significar mais de um mês a serviço da Seleção - isto porque a Copa América só termina em 10 de julho.

 

Gabriel e Neymar em convocação da Seleção em 2019: a dupla volta a se encontrar no time de Tite em 2021 — Foto: Pedro Martins / Foto FC

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.
Entre no nosso Grupo de WhatApp.

 

Título vale quase R$ 60 milhões


Depois de ano de dificuldades provocadas na pandemia e queda de 30% de arrecadação, a CBF tem na Copa América também a mira para boas receitas. A Conmebol prometeu total de US$ 11,5 milhões em prêmios - R$ 58 milhões. O vice-campeão vai ganhar US$ 9 milhões. O terceiro e quarto lugar recebem, respectivamente, US$ 8 milhões e US$ 7 milhões.

 

Fonte: Globo Esporte

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

Mensagem:

LEIA MAIS

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Copyright © 2013 - 2021. Portal do Zacarias - Todos os direitos reservados.